Olá, povos e povas!

Não costumo compartilhar conhecimento com os usuários do Ragezone BR, mas visto que muitos BRs já conseguiram usar esses Server Files dizendo que são “exclusividade” e etc, vim aqui facilitar a vida de todos que estão loucos para ter um servidor atualizado como o das SSs aí em baixo:





Clique nessa barra para ver a imagem em tamanho real.

Clique nessa barra para ver a imagem em tamanho real.

Clique nessa barra para ver a imagem em tamanho real.

O que esse servidor contem?

Todos os novos cabelos do PWI, todas as novas armas e armaduras (incluindo as de fama 9º), todas as novas roupas (que nem a LUG tem), todas as novas montarias e asas, todas as adagas como armas punho/garra, todas as skills desbugadas (menos as 79/100 que ninguém no mundo tem, a não ser em servidores oficiais), todas as forjas novas (tideborn, nirvana, etc), Crescent Valley (100%), TW funcional, todas as novas quests (algumas como Cubo do Destino, Presença Diária precisam ser corrigidas manualmente), novos baús, novos monstros, novos itens em geral.

O que esse servidor não contem?

Raças novas (ninguém tem as raças novas, a não ser os servidores oficiais), mapa tideborn, poções de invisibilidade (etc), cabelos disponíveis como itens de uso (estão disponíveis na criação dos personagens se você adicionar as IDs na pasta customize) e outros adds que não lembro agora. ‘-‘

Bem... Vamos ao trabalho!

- Tenha ciência de que o tutorial abaixo se refere somente para servidor offline para teste rodando Windows. Para usar esses Server File online só há formas via Hamachi, VBox em rede NAT e servidor hosteado em máquina dedicada que serão devidamente adicionados a esse tutorial posteriormente.

- Para rodar esse Server Files no seu computador, verifique as configurações:

Mínimo:
Processador Single 1.6
3gb de Memória RAM (Roda algo em torno de 2 mapas além do World)
Placa Gráfica de 64mb de RAM

Recomendado:
Processador Dual Core 2.0
8gb de Memória RAM
Placa Gráfica de 512mb de RAM

- Este Server Files roda em Virtual Box. O Virtual Box vai instalar uma imagem de disco do Linux para que você o use como uma máquina virtual, ou seja, você terá um Linux rodando no seu PC dentro do Windows. O que isso quer dizer? Que se você tem um PC da Xuxa, do Show do Milhão ou do Ben 10, seu PC vai pegar fogo e que se você não tem o mínimo de conhecimento em Linux, vai precisar muito da ajuda do Google.

- Esse tutorial é uma adaptação do tutorial original criado pelo hrace009 no Ragezone Internacional, ou seja, os créditos são meus somente nas informações não disponibilizadas por ele no tutorial original (em inglês). Como o mesmo agradece a outros membros, os créditos também pertencem ao beastie e ao ronny1982. Não traduzi (odeio crtl+c crtl+v), melhorei e acrescentei informações importantes.

Downloads:

Virtual BOX
[Somente usuários registrados podem vem os links. ]

Imagem do Virtual BOX
[Somente usuários registrados podem vem os links. ]

Client PWI
[Somente usuários registrados podem vem os links. ]

Downgrade PWI para 1.3.6
[Somente usuários registrados podem vem os links. ]

WINSCP:
[Somente usuários registrados podem vem os links. ]

Com todos os Downloads completinhos no PC, vamos pôr tudo pra funcionar e ver a mágica acontecer!

1.0 – Passo: Instalação e Configuração do VBOX. Grau de dificuldade 3/10.

1.1 – Instale o VBOX. Não há segredos, só o velho “Avançar” > “Aceitar” > “Avançar” e etc.

1.2 – Inicie o VBOX e olhe sua interface (Não é tosca como a do Colinux. xDD). Como eu sei que você é um(a) garoto(a) inteligente, seu VBOX está em bom português brasileiro. O passo mais importante para nosso novo servidor de PW conectar com o client depende da configuração correta da rede do VBOX.

Aviso: Há relatos de pessoas que não conseguiram conexão de rede com o VBOX no Windows 7. Não tenho conhecimento de formas de corrigir esse problema.

Para configurar a rede, vá no menu “Arquivo” e escolha a opção “Preferências” ou use o atalho “CTRL+G”. (Se você foi um(a) garoto(a) não tão inteligente, aproveite agora para trocar o idioma para português. xD) Agora vá na aba “Rede”. Provavelmente você vai encontrar uma rede pré-instalada chamada “rede VirtualBox Host-Only Ethernet Adapter”, se não encontrar, basta clicar em “Adicionar rede exclusiva de hospedeiro” representado pelo ícone de uma placa de rede com um “+”.

Agora, com sua nova placa de rede instalada (ela vai aparecer nas suas placas de rede instaladas no Windows), vamos configurá-la dando 2 cliques sobre ela na caixa “Redes Exclusivas de Hospedeiro” ou apertando a tecla de atalho “espaço”.

A configuração fica da seguinte forma:

Na aba “Placa”
Endereço IPv4: 192.168.0.1
Máscara de Rede IPv4: 255.255.255.0

Na aba “Servidor DHCP”
Endereço do Servidor: 192.168.0.10
Máscara do Servidor: 255.255.255.0
Faixa Inferior de Endereçamento (L): 192.168.0.1
Faixa Superior de Endereçamento: 192.168.0.1

Clique em “OK” e tudo vai ficar lindo igual à SS abaixo:


1.3 – Agora, com a placa de rede do VBOX lindamente configurada (xD), vamos importar a imagem que você baixou e extraiu em algum local que você sabe onde é.

Para importar a dita cuja, na tela principal do VBOX, vá ao menu “Arquivo” e escolha a opção “Importar Appliance”, então vá até o local onde você extraiu a imagem do VBOX que você baixou corretamente.

A descrição da Imagem Virtual do Servidor de PW vai ser mostrada e é nessa tela que você vai definir quanto de memória a máquina virtual vai usar. Nunca use acima de 75% do total da memória RAM disponível no seu PC, senão ele pega fogo. ‘-‘

Mande “finalizar”.

Se você tem a configuração mínima necessária, a importação vai concluir com sucesso e tudo vai terminar maravilindo (demora entre 5 e 30 minutos para a importação concluir).

1.4 – Agora que você importou com sucesso a imagem, ela vai aparecer na tela principal do VBOX. Agora você precisa configurar a placa de rede interna da imagem para que ela se comunique com a placa externa. Cumu?

1.5 – Clique na imagem “PW-Server-hrace009” e clique no botão “Configurações” logo acima da imagem. Se você observar uma mensagem em Vermelho informando que você configurou mais de 75% da memória do seu computador, vá na aba “Sistema” e arraste o marcador da régua para que ele fique dentro da faixa laranja em “Memória Base”.

1.5.2 – Para liberar mais desempenho, vá na aba “Tela” e deixe apenas 12MB para Memória de Video, afinal Linux é apenas prompt, pra quê tanta memória de vídeo? xD

1.6 – Para configurar a rede, vá na aba “Rede”, clique no menu oculto “Avançado” para exibir as informações avançadas e, em “Endereço MAC” use este: 080027AD81AD

1.7 – Agora que você configurou tudo, mande um “OK” e seu servidor estará pronto para conectar ao client! Mas, como deixar o client pronto para conectar ao servidor?

2.0 – Passo: Criando o client 1.4.2 @ 1.3.6 com o “pwd-downloader” - Grau de dificuldade 2/10:

2.1 – Como você é um(a) garoto(a) inteligente, você já extraiu o “pwd-downloader” em uma pasta que você sabe onde está. Dentro desta pasta estarão a pasta “bin” que contem os arquivos em você não vai mexer e o “pwd-export.bat”. O “pwd-export.bat” é um “arquivo em lotes” que vai baixar os arquivos atualizados e corrigidos pelo ronny1982 (o maior nerdfilhodaputa developer de PW da atualidade), então, tenha o bom senso de pausar seus vídeospornô downloads enquanto estiver com o “pwd-export.bat” estiver trabalhando.

2.2 – Para transferir os arquivos, você precisa apenas executar o “pwd-export.bat” e esperar a conclusão do download.

2.3 – Após a conclusão do download, você vai notar que dentro da pasta do “pwd-dowloader” surge uma nova pasta chamada “pwd”. Ela contem todos os arquivos atualizados e funcionais para transformar seu PWI 1.4.2 em um client 1.3.6.

Para iniciar o processo de downgrade, entre na pasta “pwd” e execute o arquivo “INSTALL_PATCH.bat”. O programa irá solicitar o caminho onde está o seu client. Como você, garoto (a) inteligente, fez uma cópia do seu client PWI e sabe onde ele está, essa parte será fácil para você! O caminho padrão do PWI é:

C:\Perfect World Entertainment\Perfect World International\element

Se você alterou, mude o caminho de acordo com o padrão acima, sempre mostrando onde está a pasta “element” para que o “INSTALL_PATCH.bat” possa prosseguir corretamente.
Agora, que você já inseriu o caminho correta, pode dar “Enter” e o “INSTALL_PATCH.bat” faz o resto. O processo realmente pode demorar entre 15 e 120 minutos, de acordo com sua configuração de hardware (um core2quad faz isso brincando ‘-‘). Recomendo que você vá tomar uma coca ou a garrafa toda e comer um lanche ou a geladeira toda enquanto o processo prossegue.

2.4 – Quando o processo concluir, você finalmente terá o client 1.4.2 @ 1.3.6! Agora já pode até testar, executando o client. Na tela de login, você verá no canto inferior direito a informação “1.3.6” e saberá que seu client está prontenho para conectar ao servidor!

Maaaaas, está pronto mesmo?

3.0 – Atualizando o Server Side - Grau de dificuldade 4/10:

3.1 – Como pode-se notar, você acaba de criar o client 1.4.2 @ 1.3.6, mas a imagem do VBOX não é a mesma que o seu client, então você terá que atualizar com os novos arquivos atualizados saindo do forno:

Elements.data – Contém todos os “elementos” do jogo.
Tasks.data – Contém todas as missões comuns do jogo.
Task_npc.data – Contém as missões ativadas por NPC do jogo.
GShop.data – A loja por cubis do jogo.
Aipolicy.data – Contém os “triggers” de missões do jogo.

Todos esses arquivos atualizados estão disponíveis dentro da pasta do “pwd-downloader” no caminho “pwd-downloader\pwd\- SERVER -“ e podem ser usados tranquilamente no seu novo servidor! Como?

3.2 – Você, garoto (a) inteligente já baixou, instalou e até já deu uma fuçada no WINSCP, agora vai aprender como utilizar esse utilitário famoso entre os usuários de servidores em Linux.

3.3 – Antes de qualquer coisa, inicie o VBOX, clique na imagem do servidor “PW-Server-hrace009” e clique no botão “Iniciar”. Se seu PC não for o Sérgio Malandro, o servidor virtual irá inicializar normalmente (depois de algum tempo que depende da quantidade de memória e processador que tem no seu PC). Aguarde a inicialização até o sistema solicitar seu login, então não digite nada ainda.

3.4 – Inicie o WINSCP, observe sua interface super intuitiva! Para você conectar ao Linux do servidor, clique no botão “New”. A janela WinSCP vai solicitar alguns dados, então preencha desta forma:

Host name: 192.168.0.10
Port number: 22
User name: root
Password: hrace009

Clique em “Save”, uma nova janela vai surgir, então marque “Save password” e dê “OK”. O programa irá voltar à tela inicial. Agora você pode clicar em “Login”, qualquer mensagem que surja durante a conexão pedindo confirmação, escolha “Copy Key” e depois “Yes” então você terá acesso aos arquivos dentro do Linux!

3.5 – Observe a interface do programa conectado. Na janela esquerda, você visualiza os arquivos do seu PC local (Windows) e na janela direita, os do servidor (Linux). A transferência de arquivos consiste apenas em arrastar de uma janela para a outra, ou seja, até um esquilo bêbado consegue. ‘-‘

3.6 – Vamos verificar se o servidor está corretamente configurado, se não, todo o processo foi à toa. Digite em qualquer navegador (navegador = Internet Explorar, Mozilla, Opera, Chromme...):

[Somente usuários registrados podem vem os links. ]

Uma página de internet padrão irá abrir igual à imagem abaixo:


Se você consegue visualizar esta página, seu servidor está configurado e rodando com sucesso!

3.7 – Agora vamos iniciar o novo gerenciador de servidores de PW (também feito pelo ronny1982). Na tela principal do WinSCP, na qual você não saiu da pasta “/root” no Linux, você vai dar o comando CTRL+T para abrir o terminal de comandos do WinSCP chamado de “Console”. Qualquer mensagem que seja solicitada, clique em “Yes” (seja um Yes Man xDD), então uma tela preta semelhante à do MSDOS (ou o lixento CoLinux). Os comandos importantes que você deve conhecer:

./tomcat_start.sh = Inicia o Tomcat que libera o suporte à páginas em Java
./tomcat_stop.sh = Pára o Tomcat
shutdown –r now = Reinicia o Linux (importante para quem usa dedicados)
date ddmmhhmmaaaa = Muda a data/hora do servidor (Ex.: date 011010402010 = Mudar data/hora para 01/10/2010 10:40)

Agora que você sabe o que precisa saber, dê o comando ./tomcat_start.sh e o Tomcat vai ser iniciado...

/root$ ./tomcat_start.sh

=== APACHE TOMCAT ===
=== DONE! ===

...fazendo com que você consiga acesso ao pwAdmin pelo link:

[Somente usuários registrados podem vem os links. ]

3.8 – Viu como o pwAdmin é lindo? xDD Esse é novo gerenciador de servidores de Perfect World. Para ter acesso às funções de administração, é necessário logar utilizando a senha hrace009.

Logue-se, mas não inicie o servidor! Ainda falta transferir os novos arquivos!

3.9 – Volte à tela do WinSCP e, na janela direita vá até a pasta “/PWServer/gamed/config” e na janela esquerda, vá até a “(...)\pwd-downloader\pwd2\- SERVER –“. Agora, simplesmente copie todos os arquivos da pasta “- SERVER –“ para a pasta “config” substituindo os arquivos originais pelos novos (na verdade, recomendo que faça backup dos arquivos originais).

3.10 – Ajuste as rates no “/PWServer/gamed/ptemplate.conf” de acordo com seus planos maquiavélicos e prontenho. Server configurado, pronto pra rodar!

4.0 – Passo: Ligando a budega e jogando feliz da vida - Grau de dificuldade 2/10.

4.1 – Para ligar o servidor, vá em “Server Control” no pwAdmin e, simplesmente clique em “Start” abaixo de “Services”. O pwAdmin vai iniciar todos os serviços e o gs01 (mapa mundo) automaticamente e, pode ser que demore algo em torno de 2 minutos para terminar de iniciar o mapa mundo, então relaxe se seu cliente não conectar logo de cara. xD

Clique nessa barra para ver a imagem em tamanho real.

4.2 – Para seu client conectar ao servidor, vá no velho e conhecido “serverlist.txt” e mude tudo que tiver dentro deste arquivo para:

Meu Server 29000:192.168.0.10 1

Para quem não sabe onde fica o “serverlist.txt”, fica no caminho “(...)/Perfect World\element\userdata\server\serverlist.txt”.

4.3 – Para evitar que seu novo client atualize, vá em “(...)\Perfect World\patcher\server\updateserver.txt e mude o que tiver lá para:

"patch" "http://127.0.0.1"

4.4 – Agora inicie o client normalmente pelo patcher.exe ou launcher.exe e seja feliz! O hrace009 deixou o personagem dele criado e você pode logar para vê-lo com o user e senha hrace009.

4.5 – Para criar novas contas, adicionar GM, adicionar cubis e etc, utilize o pwAdmin.

Todos os links criados com a instalação do servidor:

pwAdmin: [Somente usuários registrados podem vem os links. ]

phpMyAdmin: [Somente usuários registrados podem vem os links. ]

Adminer: [Somente usuários registrados podem vem os links. ]

Página Comum: [Somente usuários registrados podem vem os links. ]

Senhas:

Para qualquer usuário/senha que qualquer página ou software pessa:

User: root
Senha: hrace009

Glossário:

pwAdmin = Gerenciador de servidores privados de Perfect World criado em código aberto por hrace009, disponível em [Somente usuários registrados podem vem os links. ]

(...) = Caminho da instalação no seu computador.

WinSCP = É um cliente SFTP e FTP, que permite acessar, transferir e manipular arquivos remotamente.

Virtual Box = VirtualBox é um software de virtualização desenvolvido pela Oracle que, como o VMware Workstation, visa criar ambientes para instalação de sistemas distintos.

Linux = O Linux é um núcleo de sistema operativo usado pela família GNU/Linux de sistemas operativos tipo unix.

Perfect World = (Chinês: 完美世界, abre***** como PW), é um MMORPG criado pela Beijing Perfect World e distribuído no Brasil pela Level Up! Games.

Tomcat = O Tomcat é um servidor web Java, mais especificamente, um container de servlets.

Referências:

[Somente usuários registrados podem vem os links. ]
[Somente usuários registrados podem vem os links. ]
[Somente usuários registrados podem vem os links. ]
[Somente usuários registrados podem vem os links. ]

Agradecimentos:

Ao Airon por ser um excelente moderador (meio estressado às vezes, mas excelente) e amigo. PS.: Não fique puto comigo por disponibilizar esse tutorial xD Quero ver geral tiliz. xD

Aos usuários BRs que infestam (?) essa comunidade com sede de conhecimento e vão lotar esse tópico de perguntas bizarras. xDDD

Ao meu chefe que fingiu que não me viu digitando esse tutorial enquanto eu redigia os contratos da empresa. xDDD

Considerações finais:

Esse tutorial se encontra em versão 1.0, ou seja, muita coisa pode e deve ser alterada de acordo com a necessidade dos usuários.

Mais a frente, irei disponibilizar um tutorial de como pôr seu servidor online utilizando esse Server Files.

Aos Admins de servidores que rodam com esses files do Ragezone que ficaram preocupados com esse tutorial: Não se preocupem com a quantidade de servidores que vão aparecer iguais ao seu! Fiz esse tutorial com a intenção de que todos tenham a mesma oportunidade e para que aqueles que tenham um empenho maior possam criar servidores melhores do que os que qualquer um com um pouco mais de conhecimento (ou sorte) fazem. ‘-‘

Moral:

Dinheiro não vai pro túmulo com a gente, conhecimento sim. Compartilhe.

Gostou? Agradeça e dê reputação ao tópico.